sábado, 24 de janeiro de 2009

Tabela salarial de Hollywood

Sempre tive alguma curiosidade de conhecer a tabela salarial das grandes estrelas de Hollywood. No entanto, por vezes, esquecemo-nos que a realização de um filme envolve uma quantidade infindável de técnicos especializados nas suas mais variadas vertentes, desde os produtores, passando pelos aderecistas, até aos pintores de décors. Embora sejam ofuscados pelos media ou não caminhem pelos longos tapetes vermelhos, também eles merecem ser reconhecidos e devidamente remunerados pelos seu trabalho. No ano passado, a mediática greve dos argumentistas foi um sinal de que a injustiça salarial paira sobre todos aqueles profissionais médios do sector, apesar dos valores astronómicos pagos aos nomes mais sonantes da indústria cinematográfica actual.
Assim sendo, fiz uma pequena pesquisa e, posteriormente, o levantamento do vencimento médio de quase todos aqueles que têm um papel interventivo na feitura de uma película em Hollywood. Quem quiser fazer contas, deve ter sempre em conta que uma rodagem dura em média cerca de dez a quinze semanas. Também é bom não esquecer que alguns profissionais, especialmente actores e actrizes, cobram parte do seu salário a partir de percentagens de bilheteira, para não falar dos dividendos obtidos através de publicidade das grandes marcas internacionais.

ACTOR: € 2.218,12 / Semana
ACTRIZ: € 2.218,12 / Semana
REALIZADOR: € 12.289,36 / Semana
PRODUTOR: € 1.725.000,00 / Filme
ARGUMENTISTA: € 89.302,56 / Argumento
INTÉRPRETE INFANTIL: € 2.218,12 / Semana
EXECUTIVO DE ESTÚDIO: € 19.780.000,00 / Ano
AJUDANTE REALIZAÇÃO: € 3.335,00 / Semana
DIRECTOR FOTOGRAFIA: € 2.770,12 / Semana
DESENHADOR SOM: € 1.702,00 Semana
CRIADOR VESTUÁRIO: € 1.757,00 / Semana
PINTOR DÉCORS: € 2.657,88 /Semana
ADERECISTA: € 1.856,56 / Semana
AJUDANTE MICROFONE: € 1.582,40 / Semana
MAQUINISTA-CHEFE: € 2.776,56 / Semana
CHEFE ELECTRICISTAS: € 2.776,56 / Semana
AJUDANTE ELECTRICISTA: € 2.508,84 / Semana

Conclusões que ingenuamente retiro deste artigo: os argumentistas não tinham qualquer razão para fazer greve, os realizadores metem bastante dinheiro ao bolso e, por último, quem me dera ser um Ajudante de Microfone…

7 comentários:

ana s disse...

Com salários assim eu quero ir pra oliudi (leia-e Hollywood) lol
Beijos

P.S- Sim, parece que o Rocknrolla é apenas o primeiro mas infelizmente o meu one-two não vai estar nos seguintes :(

Airton disse...

eaee rapa
cara to fazendu curso de roteiro aqui....mto cansativo mas eh legal

Ricardo Vieira disse...

As tuas conclusões são as mesma que as minhas...

Fernando Ribeiro disse...

Bem... Cá eu digo o mesmo. Não me importava de ser o ajudante electricista. :P

Abraço.

Renata Correia Botelho disse...

Isto, para além de todo o resto, até põe em causa os sonhos das crianças: em vez de se imaginarem como actores e actrizes, envoltos em beleza e charme, nas passadeiras de Hollywood, o melhor é começarmos a mandá-los estudar electricidade... É que o chefe dos electricistas ainda leva consigo mais 500 euros do que os protagonistas!

Maria das Mercês disse...

E eu quero ser a menina do catering: faço as minhas trancinhas, ponho um vestido às flores e lá vou eu vender sanduíches de salmão fumado com alcaparras aos bacanos de Hollywood. Até pode ser que conheça algum electicista ou carpinteiro jeitoso! Bom post, Filipe!

Fifeco disse...

Muito interessante de facto. Desconhecia alguns valores. Ser realizador, produtor ou argumentista continua a fascinar-me :p

Abraço