sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

The Wrestler: as primeiras críticas


Parece que Darren Aronosky está destinado ao estrelado de Hollywood. Já mostrou que é incapaz de fazer um mau filme. Depois dos magníficos Pi (1998), Requiem For a Dream (2000) e The Fountain (2006), este génio da realização continua a construir autênticas pérolas cinéfilas. Como podem observar, The Wrester (2008), o seu novo filme, foi acolhido pela crítica norte-americana de uma forma imaculada, adivinhando-se algumas nomeações para Óscar em diferentes categorias. Quem sabe se não será a surpresa do ano…

"The Wrestler" is one of the year's best films. It wasn't on my "best films" list for complicated and boring reasons. By Robert Ebert (Chicago Sun-Times);

Mickey Rourke in "The Wrestler" is one of the all-time exalted examples of an actor meeting a character and of each redeeming the other. By Mick LaSalle (Chronicle Movie Critic);

The Wrestler is like "Rocky" made by the Scorsese of "Mean Streets." It's the rare movie fairy tale that's also a bravura work of art. By Owen Gleiberman (Entertainment Weekly);

Mickey Rourke is a beast in "The Wrestler," though, of course, one with heart and soul. By Rob Gonsalves (eFilmCritic.com);

Director Darren Aronofsky (The Fountain) has drawn an Oscar-caliber performance from Rourke and powerful portrayals from supporting players. By Cláudia Puig (USA Today);

It’s possibly the most striking, dramatically satisfying male performance, and one of the best films, of the year. By Jack Gattanella (Film-foward.com).

Sítio Oficial: http://www.thewrestlermovie.com/

11 comentários:

Maria das Mercês disse...

Nem de propósito: ontem na SIC Notícias deu um apanhado de vários eventos cinematográficos, incluindo filmes a lançar, tendo este sido um dos destaques. Fiquei pasmada com o aspecto do Mickey Rourke! Mesmo sabendo de todos os problemas que teve/tem (dependências), não pude deixar de fazer a comparação mental com o "felino" de «9 Semanas e Meia». Por Toutatis! Será que algum dia alguém vai dizer o mesmo de mim?

Victor Afonso disse...

Quando estreia em Portugal?

Filipe Machado disse...

Caro Victor, ainda não é conhecida a data de estreia em Portugal, talvez depois dos Óscares (22 Fevereiro)...

Cara MM, realmente é impressionante a forma como este actor envelheceu, parece facialmente desfigurado. O último filme que vi com ele foi Domino (2005), parecia consideravelmente mais novo :) Pois, a idade não perdoa...

Airton disse...

eaee
esse aii ta na minha lista....o mickey ta gordo dmais ahsuahus

http://publicandobr.blogspot.com/


A duquesa: road to oscar

abraçooo

Airton disse...

eaee eh tipo melhor filme nem rola mas me lembro de anus em q os premios de melhor musik e fotografia por exemplo foram para alguns films q naum tinha sido feita tanta publicidade....

eu vo te segui tbm soh q tipo aki o pc ta mto ruim amanha eu faço isso hahah
cara to loco pra ve os q axo q tem chance de leva melhor ator

Brad pitt: curioso caso de benjamin.......

sean penn: milk

mickey: the westler

Anónimo disse...

Aguardo ansiosamente pela estreia deste filme. Promete!!!

E muitos parabéns pelo blog que vem certamente trazer ar fresco à blogosfera cinéfila. Já agora, uma sugestão: uma listinha de
revistas online sobre cinema não ficava nada mal por aqui. Só conheço as duas que abaixo se indicam:

www.take.com.pt
www.revistaredcarpet.com

Se conhecer outras e quiser divulgar, agradecia...

As maiores felicidades para este interessante projecto! Vou de certeza passar por aqui muito frequentemente.

CAMP

Filipe Machado disse...

Caro Anónimo, obrigado pelo elogio e pelo conselho. Certamente, em breve, irei colocar a lista que refere. Muito obrigado pela visita e espero continuar a contar com as suas sugestões, opiniões e comentários! Abraço!

Renata Correia Botelho disse...

Acho a sugestão deste simpático anónimo muitíssimo pertinente. E dou também o meu contributo, deixando o sítio de 3 revistas que, atravessando todo o tipo de cinema (do considerado mais erudito ao mais comercial, do europeu ao americano) ma parecem títulos de referência - entre vários outros, que não elenco desta vez:

www.cahiersducinema.com

www.empireonline.com

www.premiere.com

Abraço!

Renata Correia Botelho disse...

Estive ontem a ver The Fountain"... Colossal! Seguir-se-á, ainda esta semana, na primeira hipótese caseira que me surgir, "Requiem for a Dream", e assim já me sinto mais à altura de esperar pelo próximo.

Obrigada, Filipe, por teres insistido sempre nesta minha lacuna... Assombroso mesmo!

looT disse...

Para mim surpresa do ano será se for mau, vindo de quem vem estou a contar com algo muito bom, Aronofsky habitua-nos demasiado bem.
E parece ser também o regresso em grande de Mickey Rourke.

Abraço

isabel disse...

Ontem vi o filme, e está algo de muito bom, ou não fosse realizado pelo Daren Aronofsky. Muito já se falou do mickey rourke, e no quanto ele está soberbo neste papel, por isso nada a acrescentar. Agora quanto ao filme, eu realmente gostei porque há algum tempo que não via um filme tão real, tão autêntico e verdadeiro. O filme a nível de realização parece-nos bastante simples, no entanto aí é que está o seu valor. Porque fazer um filme de ficção, qualquer realizador competente consegue fazer, no entanto, fazer um filme em que nos esquecemos que aquilo é um filme, que por vezes parece um documentario, em que parece que estamos a ver o Ram pelos nossos próprios olhos, como expectadores directos, isso é algo que poucos realizadores conseguem. Quanto ao guião, como qualquer outro feito pelo Aronofsky, remete-nos para grandes questões como a vida, sobre o que vale a pena lutar e sobre como as nossas acções e prioridades podem condicionar a nossa felicidade.
Por ultimo, Clint Mansell continua muito competente no que ele sabe fazer tão bem, que é a Banda Sonora.