terça-feira, 23 de junho de 2009

Último filme visionado: 2010

2010 (1984) de Peter Hyams

2010 é a sequela do clássico 2001: A Space Odyssey de Stanley Kubrick, realizado pelo relativamente desconhecido Peter Hyams (Outland, The Relic e End Of Days). Tal como seria de esperar, este filme está a anos-luz da obra-prima de Kubrick, afirmando-se, de uma forma bem vincada, como uma película ao estilo dos anos de 1980. 2010 apresenta uma simplicidade desconcertante que destrói o sentimento de beleza e de antecipação transmitido no final do filme original. Apesar disso, mantém coerência na continuidade da história, ao mostrar muito pragmatismo na explicação das cenas mais estranhas e visionárias de 2001. Enquanto o primeiro filme permanece inviolável na sua mestria, 2010 oferece-nos técnica e diversão em detrimento de uma atmosfera sublime e enigmática. Seja como for, se for visto particularmente, não deixa de ser um bom momento de cinema.
(7,5/10)

14 comentários:

Airton disse...

opaa
cara nem tinha visto esse aee

passa la nu blog
abraço

Kamila disse...

Nunca assisti a este filme. Não sou a maior fã de ficção científica.

•. Cℓєвєя! . - disse...

Esse é um filme que já era pra mim ter visto faz um bom tempo!

Vinícius P. disse...

Apesar do original ser um dos meus filmes favoritos em todos os tempos, acho que não quero conferir esse, pois tenho medo de perder um pouco o "encanto" que tive com "2001".

Wally disse...

Ainda não vi. Mais por medo mesmo, já que acho o original um filme fenomenal. Mas verei porque guardo também curiosidade, seja esta mórbida ou não. Ainda assim, parece ser um bom filme ao menos...

Ciao!

hg disse...

Este nunca tive coragem de ver. E como ainda de me faltam ver umas "centenas" de filmes essenciais... dúvido que algum dia o veja. Mas julgava que fosse um filme pior, comparando a tua crítica ao meu preconceito em relação a este 2010.
abc
hg

Álvaro Martins disse...

Também nunca vi porque nunca tive curiosidade.

Fifeco disse...

Eh pah, confesso que desconhecia o filme. Apesar de não ser um fã incondicional da película de Kubrick tenho curiosidade para visualizar a sua sequela.

Abraço

Diego Rodrigues disse...

O encanto com 2001 permanece intacto, não importa o quanto de "seqüências fajutas" temos que aguentar.

Filipe Machado disse...

Nunca me apercebi do desconhecimento generalizado que existe relativamente a este filme. Não fazia ideia... Para aqueles que ainda não o viram, aconselho vivamente.

Rafael Carvalho disse...

Tá aqui outro filme emblemático, mas não sei se tenho muita vontade de ver, parece um oportunismo mexer com a grande obra-prima do Kubrick.

Dewonny disse...

Lembro de ter gostado, mas faz muito tempo q assisti!
Abs! Diego!

Ygor Moretti Fiorante disse...

Eu vi esse filme já a algum tempo preciso ve lo novamente não me recordo muito, mas o que m elembro é do Stanley reclamando rsss que nesse filme eles realemnte explicão tudo do 2001, o que poderia fazer com que a graça fosse diminuida.

Mas acho o clássico 2001 intocavel, perfeito, é o meu predileto do Kubric.

Abraço!!!

Francisco Correia disse...

O QUEÊ?! Não acredito! Houve mesmo uns tipos que acharam que podiam fazer uma sequela do 2001: Odisseia no Espaço, do Kubrick?

Mas que estupidez.

Bom blog

http://umframeporsegundo.wordpress.com